quarta-feira, dezembro 24, 2008

Natal



Depois de muito, muito sofrimento o meu sogro foi embora...apesar da tristeza e dor da partida estamos também felizes por ele, que pedia a morte a todo o instante...

O Natal ficou mais triste...mas estamos juntos, todos...

Para aqueles que por aqui passam deixo os desejos de uma noite feliz com aqueles que vos são queridos...que haja PAZ, SAÚDE e AMOR...

Sabemos que a guerra, a violência e o ódio continuam...mas também sabemos que podemos mudar o Mundo...

8 comentários:

ASPÁSIA disse...

AMIGONA

É TRISTE TER UMA PERDA DE UM ENTE QUERIDO E PARA MAIS NESTA QUADRA.
EMBORA ESPERADA ESSA PARTIDA, HÁ SMEPRE ALGO DE NÓS QUE PARTE TAMBÉM.
QUE SEJA UMA NOITE DE PAZ E RECORDAÇÕES DOS TEMPOS FELIZES COM O VOSSO FAMILIAR!

BEIJINHOS GRANDES
ABRAÇO APERTADO!

São disse...

Querida, nestes momentos de perda -e mais ainda nesta quadra-não há palvras que consolem, eu sei.

Mas temos que pensar na cessação do sofrimento da pessoa que nos é querida e , isso sim, ajuda um pouco.

Assim , em silêncio, te deixo e a tua família um apertado e solidário abraço, desejando que 2009 vos seja bem mais feliz.

Maria disse...

Minha querida amigona

Nestes momento não tenho palavras para ti. Não tenho.
Sei que pode haver um certo "alívio" porque parou o sofrimewnto, mas começa uma enorme saudade...

Deixo-te um abraço muito, muito apertado, R.

Anónimo disse...

Amiga Amigon!

um forte e sentido abraço!...
vovó Maria

Filoxera disse...

Porque nestas alturas, só vale o carinho, deixo-te um abraço apertado.

Sophiamar disse...

Minha Querida Amiga Grande

Depois de muito sofrimento, o teu sogro descansou, amiga. A perda é dolorosa, eu sei, mas vê-lo a sofrer sem possibilidade de melhorar era pior para todos. Também perdi um familiar muito próximo que durante o último mês teve um sofrimento atroz. No dia 23de Dezembro encontrou o descanso que tanto pedia.

Um forte abraço e mil beijinhos

tulipa disse...

Querida, os meus sentidos pêsames a ti e família.
Nos momentos de perda, mais ainda nesta quadra, não há palavras...
pelo menos, eu não sei que dizer!!!

Em contrapartida temos que pensar no fim do sofrimento da pessoa que nos é querida e, isso sim, ajuda um pouco.
Fiz isso com os meus Pais, para aceitar melhor a perda deles, tanto um como outro estavam em sofrimento.

Agulheta disse...

Amigona! os meus pêsames pela perda,esta data par mim tem algumas recordações tristes como para muitos,hoje cheguei a casa,antes de sair tentei vir aqui,mas a net não deixa anda lenta e deita muitas vezes abaixo,as minhas desculpas.
Para ti e familiares deixo abraço amigo. Lisa