sábado, agosto 18, 2007

MIMOSO











ADEUS gato bonito! Adeus gato bom!

NUNCA, nunca durante os teus 13 anos de vida te vi zangado com algum animal (dos muitos que viviam contigo)ou com algum humano...

SEMPRE, sempre te afastavas quando estavas a comer e algum dos teus amigos se aproximava...

Foste o melhor anfitrião desta casa!!! Por ti TODOS os que se aproximavam podiam entrar!!!

Muito mimado, muito meigo com todos, obrigada mimoso, pelo companheirismo e pela amizade...

22 comentários:

Maria disse...

Na vida tudo tem um tempo....

Um beijinho para ti, Amigona
Um beijinho para a princesa, especial...

Camarada Choco disse...

Divulgação

Mais um Blog que se tornou um Livro!

Filme da apresentação disponível no YouTube em “Camarada Choco”

www.camaradachoco.blogspot.com

A COR DO MAR disse...

Embora conhecese o teu nome de blog, nunca aqui tinha vindo.
Tens um espaço muito "especial" que apreciei bastante.
Sempre o tempinho permita, vou voltar;)

O miau... pois... é mto triste :((

- tudo se vai ...

Deixo-te um grd beijinho e b f semana- tambem para a neta e avô

Aspásia disse...

VÓ AMIGONA E NETA!

QUE PENA VOS VISITO NO DIA TRIST EM Q PERDERAM VOSSO TERNO AMIGUINHO DE TANTOS ANOS!

UM ANIMAL QUERIDO TB. É UMA DOR GRANDE QDO NOS DEIXA...

HA POUCOS DIAS A AMIGA MJ DO ENQUANTO HOUVER TEMPO PERDEU A SUA ADORAVEL GATINHA GIGI...

TENHO CERTEZA QUE O MIMOSO E A GIGI ESTAO AGORA FELIZES NO PARAÍSO DOS GATINHOS!

BONS DIAS DE FÉRIAS OU DESCANSO PARA VOCÊS!

BEIJINHOS

Sophiamar disse...

Minha Querida Amiga Grande

É assim a vida! Infelizmente, a dor faz parte dela.Fiquei triste, muito triste.Os animais são nossos fiéis amigos. Dão-nos tanto!
Beijinhos

A. João Soares disse...

A vida alterna tristezas com alegrias e temos que saber encarar as duas com a serenidade mais saudável.
Tenho um cão e uma cadela ambos de pequena dimensão e com feitios e idades muito diferentes, mas ambos muito mimados cá em casa e pelos amigos.
A cadela que fez agira 1 anis«os, esteve quase a ir-se há pouco mais de ano e meio, quando foi descoberto que tinha diabetes, com a glicémia muito alta, passando a ser injectada com insulina duas vezes por dia. Apesar dos cuidados extremos, tem tido crises de hipo e hiperglicémia, o que obriga a fazer análises frequentes, em alguns períodos piores, semanalmente. Dá despesa, preocupações, exige cuidados, prende a nossa vida, mas quando tememos que nos falta, ficamos «doentes». Os animais estimados são quase pessoas de família!
Por isso compreendo a sua dor plo desaparecimento do MIMOSO.
Abraço
Do Miradouro

Susete Evaristo disse...

Olá amiga. Tanto miau bonito. E a arquitectura da casa do cágado está muito bonita. Perguntas por onde eu ando. Hoje em casa como sempre. Durante a semana é casa trabalho, trabalho casa. Já viste o "De A a Z quem é quem nas ruas de Monte Abraão"? Beijinhos`para ti e para e Catarina Princesa.

A COR DO MAR disse...

Ai avó que eu estava completam= esquecida... ate estás linkada no meu blog...
Enfim, deve ser do PDI lololol

Tem uma boa semana ;)
Beijinhos*

Carminda Pinho disse...

Deve ser triste não é?
Para a neta principalmente. A sorte é que tem uma avó amigona e logo, logo, tudo vai passar.
Beijinhos

Hindy disse...

De certeza que foi muito feliz!
Custa muito perder os nossos bichinhos...

Beijinho hindyado

Sophiamar disse...

Minha Querida Amiga Grande

Desejo-te um bom dia. Que a semana seja melhor do que a anterior.
Beijinhos

António disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
António disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
António disse...

13 anos!
Já estava velhinho, não estava?

Beijinhos

Kalinka disse...

VIVER...
VALE SEMPRE A PENA. E, como Avó deves entender muito bem as minhas palavras. É uma delícia ter assim uma Princezinha.

Começa aí a história: Fui e, por mais que tente encontrar palavras para vos descrever os meus sentimentos, as minhas emoções, não existem mesmo; nem alguma fotografia conseguiria captar, porque o que vivenciei está guardado cá fundo do meu ser e, registado na minha memória visual.
E, para surpresa de todos, não fui munida da minha máquina fotográfica, como é usual...

Beijos enrolados em fitinhas azuis.

Palavras ao vento disse...

Minha querida,

Obrigada pela visita...

Mas vim deparar- me com um cenário muito triste. A perda do nosso animal de estimção... dói mesmo!

Fiquei emocionada... Tenho o meu Óscar doente... com diversas maleitas... Vamos ver se ele ultrapassa. Tem 10 anos... mas farei por tudo que ele se cure!

Enfim.. Vai ser um desgosto cá em casa.. pois é tratado como fazendo parte do agregado familiar. Nunca dizemos..." o cão"...mas sempre o óscar para aquie....O Óscar para li. Quem tem animais e gosta deles... sabe do que estou a falar.

Mas no caso do teu bichano... tens que ter coragem ... E é essa que estou a tentar preparar-me, na eventualidade do Òscar não resistir :(

Beijinhos para a avó e netinha

Maria

poetaeusou . . . disse...

*
revi o meu "Norte"
sofri, pela perda
continuei a sofrer
sofro ainda
no futuro sofrerei,
*
xi
*

Alex disse...

ó ... que dizer?
É sempre triste ...
Mas sei que ajudas a superar essa perda ... verdade?

És especial.
Também a mim, me apetece ficar um bocadinho a ler-te, é o que vou fazer, enquanto a minha inspiração não volta.

Beijinho terno

wind disse...

Lamento o sucedido.
Mas vim aqui por outra razão, como comentou no words que tinha saudades do tempo que a visitava, se não sei quem é, nem conheço este nick?
Boa noite

Belzebu disse...

O momento do adeus não tem que ser necessariamente um momento triste e penoso! O ciclo da vida faz-nos despedir de quem mais gostamos e proporciona-nos encontros com que ainda vamos gostar! Gerir as emoções nem sempre é fácil, mas sinto que o fazes com a maturidade de quem sabe muito bem como as coisas funcionam!

Um abraço infernal, amigona amiga!

Sophiamar disse...

Deixo-te beijinhos, muitos, para ti e princesa.
Saio satisfeita com este pequeno encontro.Tem um bom dia!

selenis disse...

Lamento imenso pela tua perda, doi tanto perder um amigo!

Ele vai estar sempre convosco, no vosso coração, e foi concerteza muito feliz na vossa companhia

Um braço apertado