segunda-feira, outubro 26, 2009

Pobreza


Encontrei no canhotices e não pude deixar de reproduzir aqui:
" Portugal segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) está em quinto lugar na desigualdade na distribuição da riqueza.
TRABALHADORES COM EMPREGO A RECEBEREM SALÁRIOS ABAIXO DO LIMIAR DA POBREZA

(Em 2008, 139,5 mil trabalhadores por conta de outrem recebiam um salário liquido médio mensal inferior a 310 euros por mês, e os que recebiam salários até 600 euros correspondiam a 40,9% do total de trabalhadores por conta de outrem. É evidente que com salários desta natureza centenas de milhares de trabalhadores com emprego vivem na pobreza ou muito próxima dela.)

-A PENSÃO MEDIA DOS REFORMADOS POR VELHICE É APENAS DE 384,72 EUROS EM 2009

-A PENSÃO MEDIA POR INVALIDEZ É APENAS 321,21 EUROS POR MÊS EM 2009
79% DOS PENSIONISTAS DE VELHICE E INVALIDEZ RECEBEM UMA PENSÃO INFERIOR A 407€

É URGENTE ALTERAR A REPARTIÇÃO DA RIQUEZA E DO RENDIMENTO EM PORTUGAL PARA REDUZIR AS DESIGUALDADES E IMPEDIR O AUMENTO DA POBREZA."

E como se diz neste cantinho:

"Amanhã é um excelente dia para continuar a lutar!








6 comentários:

Paula disse...

E sempre foi assim a vida de um português: LUTAR!

Amiguinha não te esqueças de buscar o teu presente no meu blogue, pois continua à tua espera...

Beijocas e boa semana****

Fernando Samuel disse...

Amanhã que é como quem diz: HOJE!...

Um beijo.

Maria disse...

O novo governo acabou de tomar posse. A luta é diária, não pára nem ao fim de semana. Dizem eles que é 'uma hora decisiva' (para eles, imagino). Pois para nós também.
Continuemos a luta, a NOSSA, que é de sempre...

Beijinho, Amigona

Espaço do João disse...

Querida Amiga.
Há algum tempo que não fazia uma visita aos amigos que tenho selecionados. Com esta tua postagem, fizeste lembrar-me a célebre quadra do poeta António Aleixo:-
O pão que sobra á riqueza
Destribuido pela razão
Matava a fome á pobreza
E ainda sobrava pão.

Ele lá tinha a sua razão. Um beijo amigo João

poetaeusou . . . disse...

*
povo, povo,
quando acordarás ???
,
conchinhas, deixo,
,
*

Nelson Ricardo disse...

O retrato de um país miserável e controlado pela Burguesia.

Bjs.